Rui Falcão promete “porrada a karaté” ao jornalista do Chela Press

O Governador de Benguela Rui Falcão Pinto de Andrade está a ser apontado de ter “prometido” dar “porrada de karaté” ao jornalista Francisco “Chico” Rasgado, tão logo  seja encontrado em qualquer lugar.

Segundo consta, o Governador da Província de Benguela terá prometido igualmente intentar um processo judicial contra o jornalista Chico Rasgado, dono do jornal Chela Press, pois, entende Rui Falcão, o profissional tem “publicado inverdades sobre a sua governação” no jornal Chela Press, edição one line.

Em causa são vários artigos que Francisco Rasgado tem publicado no seu jornal, onde o escriba avança denuncias de actos de corrupção e gestão danosa no governo de Benguela liderado por Rui Falcão.

Num dos artigos publicados recentemente pelo Chico Rasgado com o título: “Falcão sem asas – O desespero apodera-se do Palácio da Praia Morena”, o jornalista faz uma abordagem à volta da luta contra a corrupção, suposta bandeira do actual Governo, que para Rasgado “é uma miragem”.

“É uma autêntica mentira pegada, chegou à hora de Leopoldo Muhongo crucificar Aquiles M. M. Alves de Carvalho, secretário-geral do governo de Benguela, o bode expiatório no processo das 11 máquinas do Governo de Benguela entregues, sem documentos válidos, ao Carlos Cardoso da CCJ Lda”, escreveu.

No artigo em causa, Francisco Rasgado nota que, a associação criminosa, sustentada pela Procuradoria-Geral da República em Benguela, persiste em mentir descaradamente, alegando, agora, que as máquinas do Estado foram entregues a Carlos Cardoso da C.C.J Lda, mediante um pagamento inicial de 71 milhões de Kwanzas.

Para Chico Rasgado, uma forma pouco inteligente encontrada por Rui Falcão e Leopoldo Muhongo, supostamente com a conivência de Carlos Santos Subprocurador-Geral da República em Benguela, para branquear o desvio das máquinas do Estado.

“De um total de 11 máquinas, apenas três estão em local incerto, assim como, um Jeep. A boca pequena admite-se três possíveis cenários: que estes estejam com o tal suposto engenheiro da agricultura, na fazenda do Rui Falcão no Namibe ou ainda, com Carlos Cardoso que numa das suas viagens de trabalho à fazenda de Rui Falcão, partiu o seu Jeep. Terá sido entregue a Carlos Cardoso, para compensar?”

O jornalista questiona: “Afinal de contas, perante tamanho problema, onde está o IGAE – Inspecção Geral da Administração do Estado? Onde está a Procuradoria-Geral da República? É tudo mentira”.

Entretanto, reagindo às duas “investidas prometidas” pelo Governador de Benguela, Rui Falcão, o jornalista Francisco Rasgado disse que está a preparar-se contra dos “desejos” do seu “oponente”, porque, disse, “tal como não bate, também não aceita que seja batido por qualquer que seja e em que circunstâncias for”.

Quanto ao processo judicial revelou que já comunicou aos seus advogados, manifestando-se “confiante” que vai sair “vencedor da batalha judicial”, pois, garante ter em sua posse “provas” de todos os artigos publicados por si.

O Decreto