Patrulhas abandonadas em condições deploráveis nas esquadras de polícia

Centenas de viaturas patrulhas encontram-se abandonadas em condições inoperantes nas esquadras da Polícia em Luanda. A ausência de viatura operativas nos postos policiais tem sido apontada pelos próprios efectivos como elemento que condiciona o combate a criminalidade nos bairros da capital do país.

O agente, João Francisco é motorista há mais de cinco anos, ele diz que “O problema da ausência de viaturas em bom estado técnico nas esquadras, deve-se a falta de manutenção das mesmas”.

De acordo com o nosso interlocutor, “não se pode falar de falta de carros nas esquadras porque, em quase todas esquadras há patrulhas, mas que não andam” rematou.

Outro interlocutor, sub-chefe, Afonso Adão, denuncia que, a oficina para a reparação das viaturas da Polícia estão somente a disposição dos chefes.

“O que se passa é que, os carros quando enviados para as esquadras, já não vão para a reparação porque, na oficina só ficam os carros dos chefes, das suas famílias e até namoradas” sustentou.

O Decreto sabe de fonte segura que, anualmente o Ministério do Interior (MININT), atribui como dotação orçamental à oficina da Polícia Nacional, situada na Unidade Operativa de Luanda, milhões de kwanzas, para reparação de viaturas patrulhas distribuídas nos comandos municipais.

O sub-chefe, sugere que se faça um diagnóstico, em todas as esquadras policiais, no sentido de se localizar viaturas em mau estado técnico com vista a sua recuperação.

“A recuperação dos carros que já temos, vai ajudar o Governo a poupar dinheiro na compra de outras viaturas”, sugeriu.

Recorda-se que, em Dezembro de 2020, a delegação provincial de Luanda do MININT, entregou dezenas de viaturas aos comandos municipais no quadro operativo de prevenção e combate a criminalidade na capital do país.

O Decreto