Morreu Amaro Fonseca

Faleceu no fim da tarde deste sábado, o conhecido jornalista de Língua Nacional Kimbundu, Amaro Fonseca, por doença.

Em nota tornada pública pelo Gabinete do Presidente do Conselho de Administração, da Rádio Nacional de Angola, lamenta que “foi com profunda dor e consternação que, o Conselho de Administração da Radiodifusão Nacional de Angola, tomou conhecimento do passamento físico do jornalista Amaro Fonseca, ocorrido hoje, pelas 16h00, por doença numa das clínicas em Luanda”lê-se na nota.

Amaro Fonseca nasceu aos 20 de Abril de 1955, na localidade de Ambaca, província do Kuanza Norte.

O radialista, notabilizou-se no jornalismo radiofónico: “ao desmistificar a arte de informar, colocando um destaque maior às línguas nacionais, em particular a língua Kimbundo, num dos programas com maior audiência em Luanda, o programa BALUMUKA da Rádio Luanda”.

Nesta hora de dor e luto, segundo a nota o Conselho de Administração e o colectivo de trabalhadores da RNA, inclinam-se perante a memória e os feitos de Amaro Fonseca, e endereçam a família enlutada as sentidas condolências.

O Decreto